segunda-feira, 25 de março de 2013

Janduiense em missão no Haiti

Longe da família e dos amigos, o soldado do Exército brasileiro, Edilui Fernandes de Araújo, está no Haiti desde o mês de novembro do ano de 2012, em missão de PAZ. Os haitianos sofrem inúmeros problemas sociais, como a falta de comida, água potável e outros. A energia, por exemplo é movida a carvão. Quem tem mais condições compra um pequeno gerador e água é vendida por um preço assustador.
Edilui, mais conhecido por "Branco" está no exército há quase cinco anos, atua de uma forma brilhante na defesa dos mais humildes do Haiti e é digno de toda honra, por isso recebeu da ONU uma medalha de reconhecimento pelos relevantes serviços prestados ao povo haitiano. Para o exercício de tal função, são muitos os obstáculos, entre eles está o clima. No Haiti a temperatura beira os 39 graus centígrados 
A tropa de soldados do exército voltará ao Brasil em maio deste ano, ficará 4 dias confinada no batalhão onde passará por uma bateria de exames, em seguida terá 15 dias de folga. Esta missão, como o objetivo de restabelecer a ordem naquela nação, foi criada pelo Conselho de Segurança no ano de 2004, por orientação da Organização das Nações Unidas - ONU, após um período de insurgência e deposição do cargo de presidente do então mandatário daquele país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário