sábado, 16 de março de 2013

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em virtude dos fatos que estão sendo imputados a minha pessoa e ao colega vereador Fábio, sobre uma abordagem policial realizada na BR 226, próximo a cidade de Campo Grande, na manhã de ontem, dia 15 de março do ano em curso, sexta-feira, e em respeito a opinião pública, faço os seguintes esclarecimentos:

1. Na manhã do dia 15 de março, sexta, eu e o vereador Fábio Dantas, nos dirigíamos até a cidade de Campo Grande quando fomos abordados por uma equipe do GTO de Assú, comandada pelo Tenente Montenegro, o qual pediu que estacionácemos o carro para revista policial. O que o fiz, sem nenhuma desobediência ou arrogância. Por sinal, ao sairmos do carro, fomos logo nos identificando e cumprimentando o citado agente policial;

2. Durante a abordagem verificaram se estávamos portando arma de fogo, drogas ou qualquer tipo de instrumento ilícito. O que de pronto foi comprovada pela equipe a inexistência, apresentamos a identidade e fomos liberados para seguir viagem;

3. Queremos afirmar que colaboramos com o trabalho da polícia, em momento algum faltamos com respeito aos que faziam a blitz; Por outro lado, fomos o tempo todo ignorados e interrogados se estávamos portando arma, drogas ou algo ilícito; Levamos ao conhecimento do Coronel Reinaldo Lima, comandante do Comando de Policiamento do Interior - CPI pela maneira como fomos abordados e não por termos sido abordados, compreendemos ser este o trabalho da Polícia;

4. A notícia veiculada em blogs da cidade ou nas redes sociais não tem qualquer credibilidade, até porque o policial que "teria" assinado a nota não se identificou; Jamais pedimos para que fosse retirada blitz do trecho mencionado, como também está sendo dito, na tentativa de nos prejudicar;

5. A conduta ilibida e conhecida reputação moral minha é atestada pela justiça que nada tem a contestá-las e pela população do nosso Município que sabe do meu perfil de homem simples, amigo e que nunca provoquei em Janduís ou fora daqui qualquer ato de violência. O mesmo podemos confirmar em relação ao colega vereador Fabio;

6. Esperamos que, por meio desta nota, a VERDADE seja conhecida por todos. Que o bem estar, a segurança pública e PAZ aconteçam sempre em prol do nosso povo que tanto quer, clama e precisa. Não queiramos envolver uma mera abordagem policial numa querela de cunho pessoal ou politiqueira. Quem assim agir vai querer INJUSTAMENTE nos atribuir uma culpa que não temos, ou forçar a barra para sairmos da condição de vítimas para sermos culpados, por um erro que não cometemos.

Janduís/RN, 16 de março de 2013.

 Jozenildo Morais 
       Servidor Público e Vereador

Nenhum comentário:

Postar um comentário