segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Quem está falando a verdade?

No dia 21 de junho de 2011, o atual prefeito de Janduís, Salomão Gurgel Pinheiro, postou em seu blog um artigo intitulado o "Vice que vestiu rápido a carapuça" condenando a atitude do atual vice-prefeito de exonerar todos os cargos comissionados da sua gestão, num curto período de 25 dias em que esteve a frente da prefeitura.

Nesse artigo, que o caro leitor pode conferir AQUI, o prefeito enraivecido destilou toda decepção contra o "seu vice-prefeito", tachou-o de político sem luz própria, mal amado, incompetente para administrar, sem moral e ética (grifo meu).

Poucos meses depois, mesmo demonstrando toda decepção que tinha tido com o "seu ex-colega de militância", Zé Bezerra comentou com algumas pessoas que era contra "uma administração ditatorial, corrupta e.....outros adjetivos mais", e que queria ser candidato a prefeito para mudar essa realidade. Inclusive numa reunião do partido na casa da música, disse que se "Salomão quisesse dá a prefeitura de presente a Nailka, desse uma jóia ou um carro porque a prefeitura era patrimônio do povo" Ora, tudo combinado com seu "desafeto", esbravejou, esbravejou, tentou mostrar ao PSD que era um homem limpo, que jamais iria apoiar o governo que aí estava (eu nunca acreditei nisso), eis que Zé apoia Nailka, contrariando tudo que havia falado ou sofrido...

Esses dias, leio no face book a felicidade de Salomão em ter seu vice-prefeito no PDT onde encontrará muita gente honesta, decente e dar uma contribuição SIGNIFICATIVA a Janduís. Os curiosos de plantão ficam a perguntar: E ele tem competência para isso? Se somente no PDT tem gente assim por que o senhor Salomão de lá saiu? E, afinal, quem está falando a verdade nessa história para se "construir" essa luta política? Paciência, meu caro Watson! Pensem melhor essas estratégias, porque de besta o povo de Janduís nada tem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário