terça-feira, 1 de outubro de 2013

Joaquim Barbosa questiona celeridade do Judiciário

Ainda de acordo com as declarações do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, após participar de um seminário a empresários promovido pela revista "Exame", em São Paulo... Segundo ele, juízes federais estão expostos a influências políticas, um dos "fenômenos mais perniciosos" do Judiciário.
"Só não aplica a lei o juiz que é medroso, comprometido ou politicamente engajado. Todo juiz federal tem a expectativa de subir ao tribunal superior, a Constituição prevê, mas não há mecanismos que criem automatismos permitindo que ele progrida, sem sair com o pires na mão para conseguir essa sua promoção, [...] sem que políticos tenham que se intrometer."

Nenhum comentário:

Postar um comentário