quarta-feira, 20 de abril de 2011

PROCON NOTIFICA 35 POSTOS POR AUMENTO ABUSIVO DA GASOLINA

Desde o início da campanha “Combustível mais barato já”, o Procon Estadual já notificou cerca de 35 postos que cobravam preços abusivos ao consumidor. Apesar dos donos dos postos alegarem as cargas tributárias como motivo, o coordenador-geral do Procon Estadual, Arakén Farias, afirmou que nos últimos 15 dias, o preço repassado pelas distribuidoras não tem sofrido acréscimo.

Arakén Farias relatou que devido à participação da população, dos órgãos públicos envolvidos e da fiscalização constante, o preço da gasolina passou de 2,99, para 2,85. “Apesar da redução no valor, para o Procon ainda não é satisfatório. O ideal é que esse valor se aproxime de 2,75”, alegou. Ele informa também que as maiorias dos postos notificadas estão localizadas nas Avenidas Salgado Filho, Roberto Freire, Prudente de Moraes, Tomaz Landim e João Medeiros Filho.

Até o final da tarde desta terça-feira (19), o coordenador-geral do Procon pretende divulgar uma lista completa, com todos os postos e valores cobrados a população. Apesar da redução do preço ter ocorrido em alguns locais, a fiscalização será mantida nos próximos dias. “Estamos dispostos a conversar com os representantes do sindpostos, para que seja esclarecida a situação. Porém não podemos aceitar que o aumento do valor cobrado esteja relacionado ao valor tributário, uma vez que nas últimas semanas, as distribuidoras de combustíveis não tenham repassado nenhum tipo de aumento”, enfatizou.
Fonte: DN Online
Nota do Blog: O PROCON e outros órgãos fiscalizadores devem estender essa fiscalização ao interior. Aqui estamos sofrendo o mesmo reajuste absurdo. A gasolina está sendo vendida a 2,90, 2,98, 3,0... O consumidor pede providências!

Nenhum comentário:

Postar um comentário